Fenômeno de Raynaud na amamentação: como os cuidados preventivos podem evitar esse problema?

O fenômeno de Raynaud geralmente se manifesta em extremidades do corpo (dedos dos pés e mãos), porém pode se observar acometimento também em outras regiões, como nariz, ouvido e mamilo.


Durante a amamentação ele pode causar uma vasoconstrição nos mamilos, deixando-os com uma coloração esbranquiçada, imediatamente após o término da mamada. Isso obviamente gera dor e desconforto no local, sendo um dos grandes causadores do desmame precoce.


A alteração circulatória pode ter sua causa na sucção exacerbada do bebê, presença de algum trauma mamilar ou pela exposição ao frio.


No entanto, o que muitas pessoas não sabem, é que esse problema também pode surgir após uma série de outros fatores que antecedem essa condição e que quando não tratados corretamente podem gerar o Raynaud.


Por isso, costumo dizer que alguns cuidados preventivos na amamentação podem fazer toda a diferença para o sucesso dessa jornada! O gatilho às vezes pode ser uma simples fissura na mama, que é o suficiente para ser a porta de entrada de microorganismos. Ou mesmo o ingurgitamento (excesso de leite/leite parado) que pode vir a se tornar uma mastite.


Para o tratamento da mastite, a maioria das mães são orientadas a tomarem antibióticos, que naturalmente diminuem a imunidade de quem faz uso. A baixa da imunidade pode favorecer o aparecimento da Candidíase mamária, que por sua vez, necessita de tratamento medicamentoso.


Caso não haja nenhuma intervenção, a tendência é o problema ir se tornando uma bola de neve com consequências cada vez mais difíceis de lidar, como é o caso do fenômeno de Raynaud.




Orientação adequada e prevenção são os melhores aliados da mulher que amamenta

A prevenção às fissuras mamárias e controle do ingurgitamento é uma das potenciais proteções contra o fenômeno de Raynaud. Quando os problemas primários são tratados, por menor que sejam, as chances de se obter sucesso na amamentação, além de evitar um desmame precoce são imensas!


A amamentação é um bem bilateral e que oferece inúmeros benefícios, tanto para o bebê quanto para a mãe. Por esse motivo é preciso ter um olhar clínico, uma análise das condições e consequências a longo prazo.


Não deixe que um simples problema atual se torne um grande problema no futuro! Procure ajuda profissional e busque por informações de qualidade para uma amamentação duradoura, sem dor e cheia de benefícios para você e o seu bebê!


#fenômenoderaynaud #candidíasemamária #fissuranamama #amamentação #mastite

31 visualizações0 comentário