Pele a pele com o bebê em tempos de pandemia: mães com Covid-19 podem ter esse contato?

Se você é mãe ou está gestante, é natural que tenha dúvidas sobre o que é mais seguro para seu bebê durante o surto da Covid-19 em todo o mundo.


E uma das questões que mais têm sido levantadas a respeito do parto em tempos de pandemia, é sobre o contato pele a pele de bebês cujas mães estão infectadas pela doença.


Será que após o parto o bebê ainda deve ser colocado em contato com a mãe, sendo também amamentado na primeira hora de vida se ela for confirmada ou suspeita de Covid-19?


O que dizem as evidências científicas?


SIM. O contato pele a pele, incluindo o método canguru, melhora a regulação térmica dos recém- nascidos, propiciando a amamentação precoce e reduzindo o índice de mortalidade neonatal.


Os inúmeros benefícios deste contato direto e da amamentação na primeira hora de vida, superam substancialmente os riscos potenciais de transmissão de doenças associadas à Covid-19.


O bebê saudável e com o ritmo respiratório normal, deve ser colocado sobre o abdômen ou tórax da mãe, em contato pele a pele seguido da amamentação ainda na primeira hora de vida da criança (golden hour).


Além disso, devemos lembrar que até o momento a transmissão do novo coronavírus por meio do leite materno e da amamentação não foi detectada.


Cuidados adicionais para o puerpério, caso a mãe esteja com Covid-19


Caso a mãe esteja com a Covid-19, recomenda-se os cuidados normais de higiene e as práticas de isolamento social definidas pelas autoridades de saúde. Como o vírus é altamente contagioso, é extremamente importante que a mãe tome cuidado ao manusear o bebê.


Após a mamada, em caso de mães suspeitas ou confirmadas de Covid-19, os cuidados com o bebê (banhos, sono) devem ser realizados por outra pessoa na casa que não tenha sintomas ou que não seja também confirmado de Covid-19. Em caso de troca de fraldas, o uso de luvas cirúrgicas ou de procedimento descartáveis é recomendado.


Confira as recomendações:


A amamentação deve ser realizada normalmente, caso a mãe esteja em boas condições de fazê-la, mas é fundamental o uso de máscara individual.

  • Lavar as mãos antes de tocar no bebê e antes de amamentar.

  • Seguir rigorosamente as recomendações para limpeza das ordenhadeiras após cada uso.

  • No intervalo entre as mamadas, o berço deve permanecer a pelo menos dois metros da mãe.


#peleapele #amamentação #covid19

6 visualizações

(31) 9 9383-7758 
contato@virginiaferreirasaude.com.br
Rua Germano Torres, 166 sala 602, Carmo Sion - Belo Horizonte, Minas Gerais

Virginia Maia Ferreira Rodrigues
CNPJ: CNPJ 31.047.545/0001-87 


Política de Entrega, Troca, Cancelamento, Devolução, Reembolso: 

Os cursos serão realizados (entregues) mediante data previamente informada no campo de compras do site.
 
• Aviso de desistência/ cancelamento com mais de 45 dias de antecedência do início do curso, devolução de 100% do valor pago.

• Aviso de desistência/ cancelamento com 16 a 45 dias de antecedência do início do curso, multa de 30% do valor integral do curso.

• Aviso de desistência/ cancelamento com 08 a 15 dias de antecedência do início do curso, multa de 50% do valor integral do curso.

• Aviso de desistência/ cancelamento com 01 a 07 dias de antecedência do início do curso ou não comparecimento, multa no valor integral do curso. Não há devolução de valores.


*Obs: Mudanças (trocas) de turma/curso são consideradas como desistência.