top of page
bg-home2_edited.jpg

Quem tem redução de mama ou silicone pode amamentar normalmente?

Estes são dois casos específicos e com orientações distintas. Confira o texto completo.



Prótese de silicone


No caso da prótese de silicone, não há nada que impeça as mulheres que as possuem de amamentar. Aliás, o implante, em si, não impede a amamentação. Os desafios podem ocorrer devido ao tipo de cirurgia escolhida, que envolve o local da incisão e a região onde o implante é colocado.


Isso porque, algumas técnicas cirúrgicas são mais invasivas que outras e, embora não alterem a produção de leite, podem lesionar alguns ductos. O indicado é que se a mulher deseja amamentar, converse com o cirurgião responsável antes da cirurgia para alinhar essas expectativas.


Redução de mamas


Já no caso da redução de mama, é meio complicado ter certeza se haverá problemas com a produção de leite. Isso varia de mulher pra mulher. Mas, pode sim acontecer.


A técnica de redução pode causar danos aos nervos que levam as informações para o sistema nervoso para que haja a secreção dos hormônios que regulam a produção e descida do leite, além de poder prejudicar os ductos mamários.


O que pode acontecer é ter que amamentar de maneira mista nos primeiros meses do bebê, até a produção se ajustar à demanda. Vale lembrar que nestes casos, é imprescindível que não se utilize bicos artificiais para a suplementação.


Para as mães que tiverem maior dificuldade, a ajuda de uma consultora de amamentação pode ser essencial para o manejo correto e manutenção da amamentação.


E como são fatores de risco para a amamentação o interessante é que procurem essa profissional ainda na gestação, para uma consulta individualizada.


Comments


bottom of page