top of page

Qual é o melhor momento para ordenhar o leite materno?

A resposta é uma combinação de fisiologia e bem-estar!


Ao longo da jornada de amamentação, muitas mães optam ou precisam ordenhar seu leite. Seja para voltar ao trabalho, estabelecer um estoque de leite ou simplesmente ter uma reserva para os momentos em que não estão com o bebê, a ordenha se torna uma parte importante de sua rotina.


Mas surge uma dúvida: qual é o momento ideal para fazer isso?


A Influência da Prolactina

A prolactina, o hormônio responsável pela produção de leite, tem seus momentos de pico e vale ao longo do dia. Geralmente, observa-se que pela manhã a concentração deste hormônio é mais elevada, possibilitando uma extração mais abundante de leite materno.


Individualidade e Bem-Estar da Mãe

Ainda que a prolactina aponte para a manhã como o horário "ideal", a realidade é que o melhor momento para a ordenha é aquele que se encaixa melhor na rotina da mãe e em que ela se sinta mais relaxada e confortável. A liberação da ocitocina, o hormônio que promove a saída do leite, está intrinsecamente ligada ao bem-estar emocional. Portanto, mais do que seguir padrões, é essencial que a mãe se sinta acolhida e tranquila durante o processo.


Desafios Comuns na Ordenha

Muitas mães enfrentam desafios ao estabelecer uma rotina de extração de leite. Aqui estão alguns pontos comuns:

  1. Entendendo a Ordenha como Processo: A extração do leite é mais do que apenas uma atividade pontual, é um processo contínuo que pode levar tempo até ser plenamente estabelecido.

  2. Estabelecer uma Rotina Adaptável: Não se trata de engessar horários, mas de criar uma rotina que faça sentido e que possa ser adaptada quando necessário.

  3. Ajustar Expectativas: Principalmente nas primeiras sessões de ordenha, a quantidade pode ser menor. Isso é normal e, com persistência e paciência, tende a melhorar.

  4. Mitos sobre a Mama "Cheia": Uma sensação de seios "cheios" não necessariamente indica uma maior produção. Cada corpo é único, e a percepção de plenitude pode variar de uma mulher para outra.

A amamentação e a ordenha são jornadas únicas para cada mãe. O mais importante é se informar, buscar apoio e fazer o que é melhor para você e seu bebê. E você, já estabeleceu sua rotina de extração? Compartilhe suas experiências conosco!



Comments


bottom of page