top of page

Leite gordo só sai no final da mamada? Isso não existe!

“Você tem que esvaziar o peito para então dar o outro”, ou “Amamente um lado por vez para que o bebê chegue ao leite posterior, rico em gordura”.


Pois é, mas já foi comprovado que não é bem assim! O que existe é leite materno, um único tipo, o melhor tipo, o alimento padrão ouro.


Dois tipos de leite? Hum, não mesmo!


Temos sim um leite mais rico em água e ele é, geralmente, ingerido pelo bebê no início da mamada. Porém, não existem 2 tipos de leite, mas sim uma mudança gradual na composição do leite com o decorrer da mamada!


Quando há os reflexos de ejeção de leite, o leite desce em velocidade, desprendendo os glóbulos de gordura dos alvéolos mamários e dos ductos, tornando o leite com maior porcentagem de gordura.


Então devemos ter em mente que, mais importante que se preocupar em esvaziar a mama ou deixar o bebê por tempo pré-determinado em cada seio, é focar na livre demanda e na liberação de ocitocina!


O tempo de mamada não é um aspecto que deva ser observado: nós precisamos olhar para os nossos bebês e verificar se, durante a mamada, ele alterna a sucção não-nutritiva com a nutritiva, que é a sucção que ocorre durante o reflexo de ejeção de leite.



1.397 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page